Cine-PE 2008 divulga candidatos

A 12ª edição do CINE PE, Festival do Audiovisual de Pernambuco,  acontece entre os dias 28 de abril e 04 de maio de 2008, no Teatro Guararapes, Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda. O festival é considerado um dos que possui o maior público de todo o Brasil – cada sessão tem em média 3,5 mil pessoas. Além das mostras competitivas, o evento promove atividades como oficinas técnicas, seminários, lançamentos de livros, exposição, mostra infantil de cinema brasileiro, mostra em bairros populares e mostra de cinema latino.

Ao longo desses anos, o CINE PE já teve um público de mais de 200 mil pessoas e quase 1.500 projetos exibidos. O 12° Cine-PE terá como homenageados o produtor Luiz Carlos Barreto, o ator e diretor Nelson Xavier e a atriz Lucélia Santos, que receberão a honraria Calunga de Ouro, no dia 04 de maio.

O Cine PE – Festival do Audiovisual conta com o patrocínio máster da Petrobrás (através da Lei Rouanet), como projeto de continuidade. O evento tem ainda o apoio institucional do Ministério da Cultura; e apoio técnico da Quanta, do Labocine, da Link Digital e da Casablanca/Teleimage. A promoção do Cine-PE fica por conta da Revista de Cinema e do Canal Brasil.

O festival é uma realização da BPE-Bertini Produções e Eventos – Rua João Cardoso Aires, 1042, Boa Viagem, Recife – PE. Cep.: 51130-300.

Contatos: (81) 3461-3773 / (81) 3343.5066 / festival@bpe.com.br.

 Sobre as inscrições:

 As inscrições deste ano, que se encerraram no dia 31 de janeiro, tiveram aumento em duas categorias: de 50% em longas-metragens e de 8% em curtas-metragens 35mm. Na categoria de longas-metragens foram inscritos 77 filmes (23 a mais do que em 2007); 28 de ficção e 49 documentários. Os curtas-metragens chegaram a um total de 162 (42 a mais que no ano anterior), contabilizando 102 de ficção, 43 documentários e 17 de animação. Já os vídeos enviados fecharam em um número de 228. A cobertura geográfica das inscrições foi bastante ampla. Liderando o pódio estão Rio de Janeiro e São Paulo, que tiveram o maior volume de trabalhos remetidos em todas as categorias. A região Centro-Oeste comparece às inscrições nas modalidades de longas e curtas-metragens. Todos os estados do Nordeste, exceto Maranhão e Rio Grande do Norte, enviaram produções. Por fim, a região Norte será representada na disputa dos filmes que vão ao festival com os estados do Amazonas e Pará.

A divulgação dos resultados finais dos longas-metragens classificados para a mostra competitiva está previsto para meados de março.

Sobre filmes selecionados para Mostra Competitiva de curtas-metragens

Devido ao grande número de trabalhos pernambucanos inscritos (31 curtas em vídeo, 17 em 35 mm e 11 longas-metragens), a direção do festival avalia ampliar a programação da grade. A partir deste ano, o Cine-PE deverá promover também a Mostra Pernambuco, com as produções locais, que estarão sujeitas a uma premiação especial, a ser entregue no mesmo dia da solenidade de encerramento, 04 de maio.

A próxima etapa será a divulgação dos resultados da seleção dos longas-metragens e da Mostra Pernambuco.

Abaixo a listagem final da mostra competitiva de longas-metragens no formato digital e em 35mm: 

– Bodas de Papel (SP), Ficção, 35 mm, Direção: André Sturm.

– Brizola: Tempos de Luta (RS), Documentário, Digital, Direção: Tabajara Ruas.

– Guia Prático, Histórico e Sentimental da Cidade do Recife (PE), Documentário, Digital, Direção: Leo Falcão.

– Nossa Vida Não Cabe Num Opala (SP), Ficção, 35 mm, Direção: Reinaldo Pinheiro.

– O Retorno (SP), Documentário, Digital, Direção: Rodolfo Nanni.

– Olhar de um Cineasta (SC), Documentário, Digital, Direção: César Cavalcanti.

– Ouro Negro (RJ), Ficção, 35 mm, Direção: Isa Albuquerque.

– Simples Mortais (DF), Ficção, Digital, Direção: Mauro Giuntini.
 
Curtas-Metragens no formato DIGITAL

– Amanda e Monick (PB), Documentário, Direção: André da Costa Pinto

– Até Onde a Vista Alcança (PE), Documentário, Direção: Felipe Calheiros

– Coração de Tangerina (SP), Ficção, Direção: Juliana Psaros e Natasja Berzoini

– Fabulário Geral de um Delírio Curitibano (PR), Ficção, Direção: Juliana Sanson

– Ismar (RJ), Documentário, Direção: Gustavo Beck

– O Filme do Filme Roubado do Roubo da Loja de Filmes (RJ), Ficção, Direção: Marcelo Yuka, Julio Pecly e Paulo Silva

– O Guardador (PB), Documentário, Direção: Diego Benevides

– O Mascate (SP), Animação, Direção: Fernando Gutiérrez

– O Paradoxo da Espera do Ônibus (RJ), Animação, Direção: Christian Caselli

– Porcos Não Olham Para o Céu (RS), Ficção, Direção: Daniel Acosta

– Um Pra Um (SP), Ficção, Direção: Érico Rassi

 Curtas-Metragens no formato de 35 mm

– Até o Sol Raiá (PE), Animação, Direção: Fernando Jorge e Leandro Amorim

– Café com Leite (SP), Ficção, Direção: Daniel Ribeiro

– Câmara Viajante (CE), Documentário, Direção: Joe Pimente

– Cânone para 3 Mulheres (SP), Animação, Direção: Carlos Nogueira

– Comprometendo a Atuação (MT), Ficção, Direção: Bruno Bini

– Décimo Segundo (PE), Ficção, Direção:Leonardo Lacca

– Dossiê Rê Bordosa (RJ), Animação, Direção: César Cabral

– Dreznica (RJ), Documentário, Direção: Anna Azevedo

– Engano (RJ), Ficção, Direção: Cavi Borges

– O Livro Walachai (RJ), Documentário, Direção: Rejane Zilles

– Ocidente (PE), Documentário, Direção: Leonardo Sette

– Os Filmes Que Não Fiz (MG), Ficção, Direção: Gilberto Scarpa

– Pajerama (SP), Animação, Direção: Leonardo Cadaval

– Pugile (SP), Ficção, Direção:Danilo Solferini

– Saliva (SP), Ficção, Direção: Esmir Filho

– Satori Uso (PR), Ficção, Direção: Rodrigo Grota

– Um Ramo (SP), Ficção, Direção: Juliana Rojas e Marco Dutra

– Um Ridículo em Amsterdã (SP), Ficção, Direção: Diego Gozze

– Uma (DF), Ficção, Direção: Nara Riella

– Trópicos das Cabras (SP), Ficção, Direção: Fernando Coimbra

Sobre as oficinas:

Estão abertas as inscrições para as oficinas da próxima edição Cine-PE. As Oficinas de Cinema têm o objetivo de instruir, tanto profissionais da área e empresas parceiras do evento, como o público em geral e pessoas interessadas, acerca do universo e mercado do audiovisual.

Neste ano o Cine-PE oferece três oficinas diferentes. A primeira delas é voltada para os profissionais de fotografia e tem como instrutor o diretor Pedro Paulo Lazzarini. Já a oficina de “Interpretação para desenvolvimento pessoal”, coordenada pelo roteirista Luiz Carlos Lacerda, é voltada para todo e qualquer tipo de profissional e tem como meta atingir aqueles que querem utilizar as técnicas da interpretação como ferramenta para desinibir-se e ter mais êxito na vida pessoal. A terceira oficina organizada para o 12° Cine-PE é destinada ao mundo empresarial: “O Cinema e as organizações corporativas” vai abordar a questão de como filmes podem ajudar empresas a motivar e treinar funcionários. Ela é destinada a funcionários de Recursos Humanos das empresas que apóiam a edição 2008 do festival e é coordenada pela jornalista Myrna Brandão, curadora do evento.

As vagas são limitadas e as inscrições devem ser feitas pelos telefones: 81-34613773 / 81-3343-5088.
 

Uma resposta para Cine-PE 2008 divulga candidatos

  1. claudeci araujo disse:

    ha tres anos trabalho na segurança deste evento espero trabalhar este ano,e muito legal.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: